Outlander - Primeiras Impressões (E todas possíveis)

By | 11:08 Leave a Comment





Outlander é simplesmente aquela série que você ama. Ainda ama mais pelo fato de que ela existe pois os livros são gigantes e já existem mais de 8 publicados (Será que são só 8 mesmo?!).

A autora dos livros é Diana Gabaldon e há quem diga que série e livros são muito parecidos, ao passo que se pode ler, assistir, ser feliz e não sofrer com isso. Mas, vamos comentar sobre a história que é o motivo disso aqui.

Somos apresentados a uma mulher que passou por muitos momentos difíceis e está finalmente curtindo seu casamento, Claire foi enfermeira durante a guerra e seu marido, que também serviu durante a Segunda Guerra, está finalmente livre das necessidades do exercito.
Claire e Frank são extremamente fofos... mas não se apega não!

Durante a viagem de seu marido em busca de detalhes históricos sobre seus antepassados diretos, eles se deparam com um grupo misterioso de mulheres, ao passo que Claire, fascinada com as ervas que elas cultivam e também brotam na região, sai em uma aventura.

Bom, a aventura dura mais que o esperado. Claire vai parar 200 anos no passado, em terras escocesas e de cara com o maléfico Black Jack, antepassado de seu marido. Como nem tudo é desespero, o acaso leva o caminho dela ao do escocês Jaime Fraser.

Meet the Devil...ops! Esse é o Jamie Fraser...ou o escocês que vai te encantar...


Bom, você já deve ter sentido que vai rolar muita tensão. Não é como se ela pudesse esperar 200 anos para voltar ao seu tempo, ou simplesmente chamar um gênio da lampada e mudar isso. Além de não saber se isso é realmente permanente e o quanto da história poderia ser alterada com sua presença.

Em paralelo, temos o marido de Claire, Frank Randall, que ficou no "presente". Ele não sabe o que aconteceu com sua esposa e, como todo homem, está em desespero atrás de respostas ou do "sequestrador" de sua esposa.

Será preciso tempo para que tanto Frank, quanto Claire possam acreditar em magia para levá-la de volta, afinal o passado pode não ser bonito, mas tem algumas das melhores distrações. Podendo uma delas ser uma mudança drástica nessa mulher forte do século XX.

A série é uma constante de destruição para qualquer fã.
As mudanças são constantes e tem horas que você torce por simplesmente um momento de certeza. Não conte com esse momento. Tudo muda e ninguém é completamente mocinho, todos tem boas e más intensões.
Super vale a pena (e não é só pelos caras bonitões!) e tem a primeira temporada no Netflix!
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: