Ana Vestida de Sangue- Kendare Blake

By | 07:26 Leave a Comment



Sinopse: Cas Lowood herdou uma vocação incomum: ele caça e mata os mortos. Seu pai fazia o mesmo antes dele, até ser barbaramente assassinado por um dos fantasmas que perseguia. Agora, armado com o misterioso punhal de seu pai, Cas viaja pelo país com sua mãe bruxa e seu gato farejador de espíritos. Juntos eles vão atrás de lendas e folclores locais, tentando rastrear os sanguinários fantasmas e afastar distrações, como amigos e o futuro.
Quando eles chegam a uma nova cidade em busca do fantasma que os habitantes locais chamam de Anna Vestida de Sangue, Cas espera o de sempre: perseguir, caçar, matar. Mas o que ele encontra é uma garota envolta em maldições e fúria, um espírito fascinante, como ele nunca viu. Ela ainda usa o vestido com que estava no dia em que foi brutalmente assassinada, em 1958: branco, manchado de vermelho e pingando sangue. Desde então, Anna matou todas as pessoas que ousaram entrar na casa vitoriana que ela habita. Mas, por alguma razão, ela poupou a vida de Cas. Agora ele precisa desvendar diversos mistérios, entre eles: Por que Anna é tão diferente de todos os outros fantasmas que Cas já perseguiu? E o que o faz arriscar a própria vida para tentar falar com ela novamente?

Se você é fã de Supernatural e ama os irmãos winchester... Definitivamente deveria dar uma chance para esse livro!
Então neh... foca na resenha abaixo!


Cas tem 17 anos, uma mãe com um pé na magia wicca, um gato insuportável e um Athame que foi de seu pai. Até ai nada demais é claro, exceto que tudo isso está ligado ao que o pai fazia: Caçar fantasmas. Então Cas no auge da sua adolescência e na convencional vida de quem não da a minima pra faculdade e futuro acha um mistério, algo que nem mesmo seu pai havia encontrado e forças que nem mesmo sonhava existir.

É engraçado o que acontece com fantasmas. Eles podem ter sido pessoas normais - ou quase - enquanto estavam respirando, mas, assim que morrem se tornam obsessivos típicos.

Anna por sua vez é um pouco mais que um fantasma, mas não pode sair revelando seus segredos por ai, na verdade ela não pode sair de forma alguma da casa, muito menos deixar sair aqueles que na casa resolvem entrar... Mas o quanto disso seria verdade?

Quando eu estava viva, eu não conseguia decidir o que queria fazer, o que queria ser(...)Apesar dos meus sonhos e fantasias, não me lembro de ser... sei lá, entusiasmada. 

Em meio a um turbilhão de sentimentos e ações impensadas Cas acaba descobrindo não só um mistério a desvendar, mas também pessoas que poderiam ajuda-lo nessa missão de preparação, porque o que quer que ele estivesse enfrentando ali, era só o começo, e disso nem mesmo a Anna tinha certeza.

Esse é o Cas da minha imaginação, nem me pergunte porque... simplesmente não sei (*.*)

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: