Por onde andam as pessoas interessantes - Daniel Bovolento

By | 14:47 Leave a Comment



Você pode ler essa resenha ao som de Bird Set Free - Sia

Começo esse post sendo um pouco contraditório, isso porque eu nunca fui muito leitor de blogs, lia se fosse algo que me chamasse atenção, mas nunca os acompanhei e hoje estou aqui alimentando um, a vida tem dessas. Isso, porém, mudou um pouco quando muito por acaso, procurando uma imagem no Google, me deparei com o blog Entre todas as coisas, e o amor foi à primeira lida, a identificação com o que aquele texto dizia me fez ir mais fundo no blog e daí foi um pulo para eu me tornar um leitor assíduo.

Eu, assim como um monte de gente, não quero sair da inércia, não quero sair daquele limbo sentimental, a menos que alguém me puxe.

A visão de relacionamentos que Daniel Bovolento tem e expressa em seu blog é muito esclarecedora. O tom casual com que ele escreve seus textos sempre faz parecer aquele papo que você tem com seu melhor amigo, e o modo como ele resume aqueles sentimentos mais contraditórios, que você achava serem exclusivos seu, faz você não se sentir tão incompreendido e permite a você refletir e encarar várias coisas por outra perspectiva. O Entre todas as coisas foi um achado para mim e ver o crescimento do mesmo foi muito gratificante e felizmente ele cresceu tanto que hoje também é livro, Por onde andam as pessoas interessantes?  foi lançado no ano passado pela Editora Planeta.

Quero um amor de altos e baixos, sentado ou deitado, com afeto e cuidado, de segunda a segunda, mesmo nos dias que a gente tire folga da gente. Quero um amor que não precise esperar pra ser amor.

Seguindo o ritmo que era apresentado anteriormente em seu blog, Daniel continua nos cativando em seu livro, o ritmo é fluido e cada texto começa com o trecho de alguma música sugerida pelo autor para ser ouvida durante a leitura. E os textos continuam nos decifrando e nomeando aquilo que nem sabíamos que era nomeável. No posts do blog sempre marcava trechos que considerava mais "cruciais" e que melhor representavam o que eu achava e com o livro não foi diferente, hoje tenho um livro cheio de marcadores e estou me controlando para não colocar tudo que destaquei nesta resenha!

Parei de me culpar tanto, parei de entrar sempre no jogo do "e se...". E se... o quê? Não foi, passou, agora relaxa. Não dá pra voltar no tempo e se martirizar por coisas bobas.

Recheado de metáforas, músicas sempre permeando os textos, referências à cultura pop em geral; temos um livro gostoso, prático e simples de se ler, onde a grande pergunta do título nos é feita o tempo todo, Daniel não tem o objetivo de nos responder, ele na verdade faz essa pergunta conosco, onde essas benditas pessoas interessantes se enfiaram?, ótima questão e o autor pode não nos dar essa resposta, de fato, com seus textos ele parece dizer: "Olha, eu não sei as respostas mas eu compreendo suas dúvidas" e com isso nos convida ao longo de seus 45 textos a talvez deixar as coisas um pouco mais claras.

Sempre vai existir uma Cho Chang pra preparar o caminho para a chegada de uma Gina Weasley

Deu pra entender que sou só um pouco fã do autor e dos seus textos, não? Mas tietagem à parte é realmente um livro extremamente recomendado, de leitura simples e sem necessidade de uma ordem cronológica ou o que seja, você pode simplesmente abrir em um texto aleatório e o ler, garanto que vai ser bem significativo.
Por onde andam as pessoas interessantes - Daniel Bovolento, 2015. Editora Planeta. 

E pensando em deixar as coisas um pouco mais fáceis para todos, montei a playlist das músicas sugeridas ao longo do livro, você pode ouvi-la pelo Google Play Music ou pelo Spotify. De nada.

O mundo real nunca conspira a favor do amor.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: