Numbers: livro 1 – Tempo de Fuga - Rachel Ward

By | 12:00 Leave a Comment



Sinopse: Sempre que Jem conhece alguém novo, não importa quem, logo que ela olha em seus olhos, um número aparece em sua cabeça. Esse número é uma data: a data em que essa pessoa vai morrer. Sobrecarregada com tal consciência terrível, Jem evita relacionamentos. Até que ela conhece Spider, outro estranho, e ganha uma chance. Mas, enquanto eles estão esperando para embarcar no Eye Ferris Wheel, uma roda gigante, Jem percebe que todas as pessoas da fila possuem o mesmo número. A data de hoje. Terroristas vão atacar Londres. O mundo de Jem está prestes a explodir!

Acompanhamos a protagonista, Jem, tentando lidar com seu estranho dom de ver a data da morte de cada uma das pessoas, bem acima de suas cabeças. O passado de Jem consiste em ter sido criada por sua mãe viciada em drogas, e nada disso melhora quando ela encontra a mesma morta depois de uma overdose. E dai sua vida passa de orfanato em orfanato, acumulando tudo dentro dela para a transformar em uma adolescente problemática.

"Eu nunca poderia ser nada além daquilo que era agora - uma garota que, ao longo de quinze anos, tinha levado a morte e destruição para a vida de todos ao seu redor." 

Então, a acompanhamos sendo essa garota nada social, que sabe viver sozinha, tem total noção de que nunca vai precisar de ninguém...até isso acabar mudando quando ela conhece um garoto, claro. Mas isso não acaba sendo tão grande assim, já que a dosagem de vida nas ruas, sobrevivência com um dom estranho e caos no geral tem uma dosagem interessante.

A linguagem do livro não é das mais fáceis. O texto é repleto de gírias e palavrões. Não é um livro que eu indicaria para todo adolescente também. A história vai à muitos lugares e à lugar nenhum. Aquele tipo de história que desenvolve mas ainda assim fica andando em círculos. Mas o desenvolvimento dos personagens acaba sendo um ponto alto, você consegue ver claramente onde eles vão evoluindo juntos. Dois adolescentes considerados problemáticos e bandidos, com uma personalidade totalmente irritante mas que te desperta certa simpatia (ou não Oo ). Na maior parte das vezes, apesar de ficar torcendo o tempo todo, Jem me fazia pensar que ela não era nada além de uma rebelde que cometia erros absurdos por teimosia pura.

"Pela primeira vez na vida, eu não estava só observando alguém de fora. Dessa vez eu estava envolvida. Começava a desejar que o número dele estivesse errado, que não passasse de um delírio da minha cabeça. Só que eu sabia que era real. De um jeito ou de outro, ele ia partir em duas semanas,mas eu queria protegê-lo. Mais do que isso,na verdade: eu queria mesmo era salvá-lo."

O livro te joga na dura realidade apesar do dom de Jem dar aquele lado de ficção a tudo, porém, é um livro 8 ou 80, sim. Você vai amar ou odiar. Eu acabei gostando, ainda mais do final que tem todo um desfecho interessante. A série tem um segundo livro, O Caos, que eu particularmente não gosto tanto mas pode servir para dar um desfecho à tudo para aqueles que quiserem ir a fundo.  Alguns dizem que é onde a real história começa, como se o primeiro livro não fosse nada além de uma introdução arrastada. Eu já sinto o contrário e posso finalizar minha saga com Numbers pensando que apenas o primeiro livro existiu. Se você gosta de arriscar uma leitura que pode te levar do amor ao ódio rapidamente, esse livro é perfeito para isso! ;D

" Como é fácil ser um pássaro ou um animal, vivendo dia após dia, sem saber que você está vivo, sem saber que um dia você vai morrer. "
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: