Caçadora : Sorriso de Vampiro - Vivianne Fair

By | 14:06 Leave a Comment



Sinopse: Quem nunca se apaixonou por um vampiro, que atire a primeira estaca.

Jéssica levava uma vida simples até descobrir que seus pacatos pais – um dentista e uma professora – eram na verdade caçadores de vampiros. Pressionada para seguir a tradição da família, parte em uma viagem para provar de uma vez por todas que vampiros não existem e que seus pais precisam de terapia.

Ao frequentar a universidade onde um suposto vampiro atua, faz amigos estranhos, uns tais otakus, e é perseguida por líderes de torcida e outros tipos populares. E antes que perceba, acaba se interessando por um rapaz que só pode ser vampiro – pálido, lindo, só sai à noite e tem cara de que usa muito delineador.

Com o tempo Jéssica perceberá que a verdade vai bem além dos livros e acabará pondo em risco muito mais que o pescoço: o seu próprio coração.


Quem nunca se perguntou o que os pais escondem da gente, não é mesmo? Bom, no caso da Jess ela não deveria ter corrido tanto atrás para descobrir, afinal, saber de onde veio o dinheiro da mansão, das viagens e dos jantares caros veio também a missão de sair a noite na procura de seres que ela jurava que não existiam. Não existiam até que chegou sua vez de seguir com o legado da família! - Logico! Afinal, se você tem pais caçadores, é sua missão seguir com isso. O que ela não contava é ter que voltar para a faculdade aos 29 e se misturar com adolescentes de verdade para poder desvendar quem é esse ser das trevas.

"Afinal, vampiros, lobisomens, livros falantes, já estava acreditando em tudo"
Conhecer Zach, o vampiro, não só foi perturbador como despertador, até porque sentimentos não pedem para nascer e simplesmente vem do nada. E a beleza de um imortal que é séculos mais velho que você e, apesar de não te achar a mulher mais linda do mundo - porque como ele mesmo diz, já viveu demais para usar essa frase tão livremente - ainda assim está na sua, é bem perturbador. Especialmente porque um conselho inteiro, seus pais e um cheque de pagamento bem gordo te esperam - se lembra que ela tem 29 e não é somente de amor que se vive nessa idade!

"Certo, ele era o cara mais gato do planeta e por uma ironia do destino o homem que eu devia matar. Sim, você deve considerar que eu me sentia uma adolescente outra vez".

Então deixo contigo essa, o livro não é longo e tem um tom de escrita bem humorado, a autora não segue muito os padrões que todos nós estamos acostumamos e o ritmo é rápido. Agora, se você não esta no momento mais indicado para livros de comédia, romance e muita viagem na fantasia, talvez não seja lá sua praia. Sem contras indicações, vale para todas as idades - nossa protagonista já deixou isso claro neh!
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários: